O Bairrista  / Política

15°
Me segue, chê!
Segunda, 5 de Fevereiro de 2018

Após auxílio-moradia, juízes Gaúchos pleiteiam auxílio erva-mate

“Tá custando os olhos da cara uma boa erva no super”, disse um dos juízes.

PORTO ALEGRE, C.F – A polêmica dos juízes que recebem auxílio-moradia mesmo com o salário alto que o cargo exige chegou ao RS. Apesar do alto custo aos cofres públicos que os auxílios-alguma-coisa geram, na República Rio-Grandense não será diferente do país vizinho. Por aqui a nova pedida dos juízes é o auxílio erva-mate para ajudar nos custos do principal hábito dos gaudérios.

– Nosso salário é bom, sei disso, mas vocês já viram o preço da erva-mate? Tá os olhos da cara! – disse o juiz Sérgio Molho, de Bagé.

Sem um parecer oficial para a solicitação dos magistrados, a decisão pode parar no STFG, Supremo Tribunal Federal Gaudério com sede no Alegrete. Até lá o debate entre justiça e população segue mais quente que fazer as compras de natal no centro de Porto Alegre

Copiar

Voltar para a página anterior