O Bairrista  / Esportes

15°
Me segue, chê!
Domingo, 17 de Setembro de 2017

Especialistas apontam: ou Renato escala o Jael, ou vence. Os dois ao mesmo tempo não tem como

Agora o tricolor se concentra no jogo contra o Botafogo pela Libertadores. Se for eliminado, pode entrar de férias antes de outubro.

Mais uma derrota dentro de casa e a distância entre Corinthians e Grêmio aumenta. O tricolor não conseguiu vencer a Chapecoense e com a vitória do Corinthians contra o Vasco, a distância voltou para 10 pontos restando 14 jogos para o fim do campeonato.

A campanha ruim do Grêmio no segundo turno passa por diversos fatores, mas especialistas em futebol moderno apontam um fator essencial para a derrota de hoje: a presença de Jael.

– Analisando as estatísticas do plano de jogo, posse de bola, mapa de calor, campo reduzido, marcação pressão, dá para perceber que ou o Renato escala o Jael ou vence o jogo, os dois ao mesmo tempo não tem como – disse Geraldo Fagundes, analista de desempenho do Grupo Bairrista.

Agora o Grêmio se concentra no jogo contra o Botafogo pela Libertadores. Se for eliminado, o Grêmio pode entrar de férias antes de outubro.

Copiar

Voltar para a página anterior