Sexta, 11 de janeiro de 2013 | 15h26

Amistoso Contra a Pobreza foi o jogo de despedida da Arena

Novo estádio encerra sua curta história com grandes craques em campo.

TAMANHO DO TEXTO:

zico

Um amistoso despretensioso para arrecadar fundos para a ONU pode ter entrado para a história da Arena, o novo estádio gremista, como o último jogo de sua recente história. No dia 19 de dezembro de 2012 os mais de 50 mil torcedores presenciaram a despedida da Arena. O Grêmio agora vai mandar os dois primeiros jogos do Gauchão no ex-aposentado Estádio Olímpico, palco das maiores conquistas da história gremista e já tinha sido agraciado com uma despedida digna: um Gre-Nal.

A medida foi tomada após agrônomos contratados aconselharem que o gramado fosse poupado para o jogo de estreia na Libertadores contra a LDU. Estima-se que o gramado esteja pronto em até três meses, fato que levaria o tricolor a fazer, pelo menos, mais uns 20 jogos de despedida para o Olímpico. O torcedor Josias Machado, sócio do clube, revela a mágoa que sente ao saber que o Grenal não foi o último jogo da história do Olímpico.

- Bah, chorei no fim do jogo e agora vão me dizer que tem mais? – revelou o torcedor.

Inconformado com a situação o torcedor Josias se acalma quando lembra que o jogo de despedida da Arena contou com grandes craques em campo.

- Pelo menos eu vi o Zico mais uma vez em campo. Esse sim era craque – disse Josias.