Domingo, 17 de junho de 2012 | 21h03

Grêmio formaliza protesto contra arbitragem do jogo contra o Náutico

Paulo Odone protesta que juiz expulsou apenas um jogador gremista.

TAMANHO DO TEXTO:

batalha

Odone queria mais expulsões para vencer o jogo

O Presidente Paulo Odone confirmou que irá apresentar um dossiê contra o árbitro da partida de hoje contra o Náutico, Manoel Garrido. Revoltado com a atuação do árbitro, Odone prometeu entrar com uma ação na CBF para impedir que Garrido apite jogos do Grêmio novamente. De acordo com integrantes do conselho do clube, ainda esta semana o documento deverá ser entregue em mãos na sede da Confederação.

- A gente precisando da vitória, brigando pela ponta da tabela e ele expulsa só um jogador nosso? Isso é uma roubalheira contra o Grêmio! – Reclamou o Presidente.

Paulo Odone se referia ao histórico jogo que decidiu a série B de 2005, também contra o Náutico, onde o Grêmio venceu a partida com apenas 7 jogadores em campo. A direção entende que a atuação de hoje do árbitro foi pior que a do próprio Marco Antonio, jogador do meio campo gremista.

O tricolor agora se prepara para a partida contra o Palmeiras, na quinta-feira, onde tentará reverter um placar adverso de 2 a 0 para seguir na Copa do Brazil.